Terça-Feira, 11 de Dezembro de 2018
Vinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo Slider
 
Notícia
Angola: Sinistralidade rodoviária principal causa de morte na população jovem
Janeiro 26, 2016
A sinistralidade rodoviária constituiu a segunda causa de morte em Angola, principalmente na população jovem economicamente activa, superada pelas doenças transmissíveis, afirmou em Luanda o médico ortopedista Adriano Martins de Oliveira.

Ao apresentar o tema ”Abordagem cirúrgica as multifraturas das extremidades decorrentes da sinistralidade rodoviária", inserido no XI Congresso dos Médicos de Angola, que decorre sob o médico disse que as regiões anatómicas são as mais afectadas com lesões, número de gravidade, associação e comorbilidades e impõem muitas vezes um verdadeiro desafio ao traumatologista.

As fracturas das extremidades decorrentes da sinistralidade rodoviária resultam de traumatismos de alta energia, geralmente no contexto de politraumatizado por associação de lesões de outros órgãos e sistemas.

O resultado final da abordagem do doente com múltiplas fracturas tem relação com a qualidade do atendimento da vítima nas diferentes etapas assistenciais, desde o local do acidente até a sua reabilitação.

Assine a nossa newsletter
Horário: 09h00 - 13h00 > 14h30 - 16h30
Praceta projectada, Rua de Moçambique (paralela à Av. Calouste Gulbenkian), Lote Q
1º Esquerdo, Faro · Algarve · Tel. +351 289 897 100 / 289 895 622, Fax. +351 289 897 108/9
This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.
© 2011 Consulado de Angola no Algarve
Programação Step Ahead | Design TripleSky